Se vissem..

Existem vários tipos de educadores. Os que se sentem superiores às turmas. Os que são condescendentes com as turmas. Os que são impacientes com as turmas. Os que se sentem amedrontados pelas turmas.

Substitua "turmas" por "clientes" e temos o mesmo quadro, só que para "vendedores". Os que se sentem superiores aos clientes. Os que são condescendentes com os clientes. Os que são impacientes com os clientes. Os que se sentem amedrontados pelos clientes.

Cada um desses tipos tem um problema e uma causa. Os superiores esquecem que o conhecimento que se acumula é passível de questionamentos. Os condescendentes subestimam a capacidade dos outros e, consequentemente, não desafiam nem obtêm o melhor dos seus clientes (ou alunos). Os impacientes deixam claro que não têm tempo para ouvir o que os outros têm a dizer porque têm sempre algo mais importante a fazer - e seria curioso testemunhar como perdem tempo com o que escolhem fazer do seu tempo. E os amedrontados receiam que os clientes (ou os alunos) liderem a relação que devem ou querem manter entre eles (comercial ou de ensino).

Se os superiores vissem o quanto são iguais aos outros, os condescendentes vissem o quanto podem exigir mais dos outros, os impacientes vissem o quanto podem aprender mais com os outros e os amedrontados vissem o quanto podem confiar mais em si e nos outros, menor seria o sofrimento de todos no dia-a-dia. E maior seria a alegria no ambiente de trabalho.. ou de ensino..

Comentários