Conclusão versus antecipação

2 pessoas estão fazendo o Cooper num parque. Uma diz: - "terminamos a segunda volta. A outra responde: - "não, estamos na terceira volta." 2 ou 3 "nãos" de parte a parte.. e silêncio.

Passo por eles pensando no que está por detrás daquelas 2 visões: a de conclusão ("terminamos a segunda volta") e a de antecipação ("não, estamos na terceira volta"). E penso também sobre o que determina essas diferentes visões de "exatamente um mesmo ponto" (o km de início da volta).

Sem querer generalizar, e desconstruindo as 2 visões para chegarmos aos possíveis perfis daquelas pessoas (e de nós, que podemos estar num grupo ou noutro), podemos pensar que:

- quem diz "terminamos a segunda volta" (exatamente no momento da conclusão da segunda volta) pensa em termos de conclusões, finalizações. É exato, tem propósitos e segue marcos claros para seus fins;

- quem diz "estamos na terceira volta (também exatamente no momento da conclusão da segunda volta) se antecipa aos seus feitos, declara-os antes de alcançá-los. Abre vários ciclos ou voltas e não se preocupa necessariamente em fechá-los.

Em qual das duas caracterizações você se encontra? E seus pares? E seus superiores? E seus subordinados? Se entre vocês as caracterizações são diferentes, isso é fonte de irritação ou de complementaridade para o bom andamento do dia-a-dia?

Comentários