O pulso da riqueza

Pesquisa do PNUD - Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, 2a. etapa do Relatório de Desenvolvimento Humano Brasileiro 2009/10,  traz, entre outras, 2 conclusões a partir das respostas obtidas:

1- a população do Sudeste é a mais solidária
2- a população do Nordeste é a mais determinada

É assim que a riqueza flui e circula entre as diferentes regiões (do Brasil e do planeta) e é assim também que a riqueza se muda entre regiões de tempos em tempos. Os mais ricos, os mais bem sucedidos, são os mais solidários hoje, porque talvez tenham sido os mais determinados ontem. Os mais determinados hoje são os que mais trabalham para acumular a riqueza de amanhã, quando poderão ser ainda mais solidários porque terão mais a compartilhar. Essa movimentação é harmônica e rica de complementaridade, obedecendo a uma aparente inércia que, na realidade, é movimento, é mudança.. Muito lenta, muito sutil, mas segura... e, no caso, cíclica...

Assim também é com pessoas (e empresas). Os já estabelecidos e bem sucedidos podem ser mais solidários, já os entrantes ou ainda não tão bem sucedidos têm que ser mais determinados. Um contribui para o outro, e é nesse constante dar e receber pessoal, profissional e regional que a humanidade inexoravelmente pulsa, evolui e se desenvolve.

Comentários