Aquisição leva à dominância. Verticalização também.

Para quase todo segmento econômico que nos viramos, damos de frente com processos de aquisições e fusões. São mineradoras, seguradoras, varejistas, etc. que se fortalecem em números adquirindo ou se fundindo com ex-concorrentes.

Qualquer processo de aquisição e fusão implica numa revisão de pessoas, processos, sistemas e valores culturais das empresas originais. Teremos pessoas, processos, sistemas e valores dominantes.. e pessoas, processos, sistemas e valores dominados... Essa mistura de dominância, com a predominância dos dominantes, é que dará forma às pessoas, processos, sistemas e valores da nova e maior empresa, resultante da fusão ou aquisição.

Se as empresas que fornecem software para os setores onde estão ocorrendo fusões e aquisições tiverem atuação de venda verticalizada, elas terão, dentro da sua respectiva categoria de software e especialidade,  "várias" empresas daquele setor nas suas carteiras de clientes, certo? Mesmo que ocorram fusões e aquisições no setor, será maior a chance das empresas que estão se fundindo (ou adquirindo) já estarem usando software provido pelo mesmo fornecedor (e essa concordância será até um facilitador para a decisão da aquisição ou fusão). Para cada necessidade do cliente, não haveriam dominantes ou dominados entre sistemas, apenas a continuação da relação com o fornecedor existente e comum - com perspectivas de crescimento acelerado, no ritmo esperado para a nova e maior empresa...

Se as empresas que fornecem software para os setores onde estão ocorrendo fusões e aquisições tiverem atuação de venda genérica, pouca escala de clientes terão por setor. Neste caso, uma aquisição ou fusão pode significar a perda de clientes, quando sistemas forem confrontados e dominantes e dominados forem definidos...

Comentários