Paridade = equilíbrio

Fica muito mais fácil conduzir a venda observando o princípio da "paridade". Paridade significa "a qualidade do par". Como princípio, permite o imediato espelhamento entre pessoas do mesmo cargo, mas que trabalham em empresas diferentes: presidente com presidente, diretor com diretor, gerente com gerente, etc.

Em vendas, a preocupação com a paridade mostra o cuidado das partes (compradora e vendedora) uma com a outra e permite uma possibilidade de equilíbrio entre elas. Não é à toa que, por exemplo, o presidente mundial da NEC, Nobohiro Endo, esteve no Recife este mês para assinar um "memorando de entendimentos para a implantação de projetos de inovação tecnológica" com o Governo de Pernambuco, com vistas à Cidade da Copa que está sendo construída na Grande Recife para a Copa 2014 (mais aqui). Percebam: "presidente mundial". Não foi o presidente da NEC no Brasil, nem um diretor regional da empresa quem veio até o cliente (Consórcio Arena Pernambuco). Foi o presidente mundial da empresa. A paridade foi inclusive superada, demonstrando com máxima clareza a importância que os vendedores dão ao projeto do comprador. Impressiona bem? Sem dúvida. Contribui para a venda? Sim, contribui.

Quanto mais atentos estivermos ao princípio da paridade e mais chances tivermos de mantê-lo em nossas apresentações e decisivas reuniões, mais claro ficará para os nossos clientes potenciais a importância que lhes damos e maiores poderão ser os nossos resultados potenciais..

Comentários