O propósito da educação "pelo exemplo" não é simplesmente ensinar, mas inspirar ação

"Pais da rede pública paulista, que recebem 2 mensagens pelo celular por semana sobre o desempenho escolar dos filhos, veem as chances das crianças [continuarem estudando] até o ensino médio subir em 3%", disse Guilherme Lichand em entrevista. "Busque, no dia da matrícula, a origem da família, a composição familiar [onde os pais estão, o que fazem]; a criança reproduz o que vê", disse um voluntário numa audiência pública sobre a insegurança nas escolas municipais. Fernanda Montenegro disse que "se você exerce a sua vocação, metade da sua vida está resolvida".

O que se relaciona no que foi dito pelos três? A educação é requisito essencial para a descoberta da vocação. E vocação é requisito para a felicidade de uma população na vida adulta, no trabalho que farão, nas empresas que trabalharão, na vida, família, sociedade e país que construirão.

A presença, a constância, o exemplo e a motivação dos pais, líderes que são em cada núcleo familiar, é fundamental para o bom aproveitamento dos mais jovens no período da escola. Quem vai à escola precisa estudar, preparar-se. Esta é a responsabilidade que têm. Mais velhos, precisarão trabalhar e desenvolver as suas vocações para se manter - e suas vidas resolver.

Crianças e adolescentes que têm pais que sabem e comentam sobre suas notas (com elogios e/ou conversas sérias e imediatas orientações sobre melhorias), crianças e jovens que recebem estímulos positivos, que veem respeito e responsabilidade nas palavras "e" nas ações e comportamentos diários de quem os cerca têm terreno amplo e fértil para crescer e mais autonomia vir a obter. Estarão bem nutridas, crescerão plenas, serão pessoas de bem. No final, o que os pais mais querem para os seus filhos é que eles sejam pessoas de bem, felizes pessoas de bem.

"O propósito da educação não é simplesmente ensinar, mas inspirar ação", disse Thomas Kempis. Sim! Boa educação leva à boa ação. Boa educação e bons exemplos levam a múltiplas boas ações... Assim a raça humana cresce e se desenvolve, social e economicamente.

De forma similar, funcionários que são bem educados, que veem respeito e responsabilidade nas palavras "e" nas ações e comportamentos diários de quem os cerca no trabalho têm terreno amplo e fértil para crescer e mais autonomia vir a obter. Estarão bem nutridos, crescerão plenos, serão pessoas de negócios de bem. O propósito da educação "pelo exemplo" não é simplesmente ensinar, mas inspirar ação. Boa educação leva à boa ação. Boa educação e bons exemplos levam a múltiplos - todos bons - resultados !


Comentários