O executivo maior que ouve e vê mais longe

O grupo é qualificado. Cada um tem um diferente papel e vem de áreas distintas. 

Diferentes papéis e áreas têm diferentes prioridades, o que poderia atrasar a execução do projeto conjunto. Mas a entrada e simples presença do executivo maior realinha o foco e unifica a prioridade e a atenção do time. 

As sugestões se sucedem então com rapidez. O grupo é qualificado, inteligente, vivido. 

Algumas sugestões são disruptivas, outras evolutivas. As disruptivas são invalidadas por alguns: nunca foram feitas antes, não deram certo antes, não dariam certo aqui. Guardiões da qualidade e segurança presentes, deixam escapar a qualidade e a segurança futuras sem aproveitar o baixo custo presente de oportunidade.

Mas o executivo maior está presente e lembra a todos o poder do "por que não". É no espaço para desenvolver o "por que não" que reside a real e máxima inovação.

O executivo maior é maior porque ouve e vê mais longe. Entende as causas e consequências e acolhe as sugestões de mudanças maiores que trarão resultados ainda mais amplos. Ele os vê. Certamente possui um ágil mapa mental que detecta e relaciona múltiplos porquês. O que um negaria, ele ouve, entende e encaminha. 

O executivo maior é líder nato. Inspira os outros a tornar possível o até então impossível. Ouve. Executa. Dá o exemplo. E depois celebra resultados surpreendentes - sem pressa...

Comentários