Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2021

Quer crescer, inovar, liderar? Forme suas equipes com A-players.

Imagem
100% dos dirigentes de empresas de software que respondem à minha pergunta "quais são seus reais diferenciais?", incluem suas próprias equipes nas respostas. Mais perguntas seguem, mais horas e dia(s) de convivência seguem (com a realização da  capacitação  e da mentoria/consultoria que pode vir em seguida), e, por vezes, fica claro que aquela resposta inicial é mais um desejo do que uma realidade... Se ainda não é realidade, pode vir a ser. Mas esta realização exigirá uma firme decisão do(s) dirigente(s) da empresa.  Nos últimos 2 dias vi 2 vídeos de Steve Jobs em diferentes momentos que falam exatamente sobre a necessidade, essencialidade e prioridade que as empresas devem dar à procura, escolha, trabalho e organização de profissionais extraordinariamente talentosos. No vídeo 1 , Jobs faz uma revelação:  “na maioria das coisas na vida, a variação dinâmica [de resultados] entre “a média e o melhor” é de 2 a 1. Em software, a diferença [de resultados] entre o melhor e a médi

Procura-se a clareza! (você é claro no que fala e escreve?)

Imagem
Procura-se a clareza! Procura-se clareza não só de visão, mas também (e especialmente) nos diálogos e interações! Quer exemplos de como isso pode ser difícil? em vícios de linguagem: vícios de linguagem são confusos, pouco claros. Uma expressão como "não, isso é tranquilo", por exemplo, traz uma negação antes de uma concordância. Atente-se. Negação deve acompanhar negação, concordância deve acompanhar concordância. Se um pedido de um cliente (ou de uma pessoa qualquer) é fácil de atender, a expressão a ser usada é "sim, isso é tranquilo" (muito mais clara e positiva); em ouvir o outro: ouvir com atenção parece fácil, mas não é. Ouvir exige atenção, disponibilidade, vontade. Ouvir o outro já pensando na resposta que você (ou ela, ele, eu) vai dar, tira a sua atenção do que o outro fala. Consequentemente, a sua compreensão do que foi falado pode ser imprecisa, confusa. Atente-se. Ouça. Ouça querendo ouvir! Para atender um cliente, é necessário entender o cliente e, pa

E se Steve Jobs estivesse hoje vivo?

Imagem
E se Steve Jobs não tivesse morrido? Como estaria hoje o mundo? Como estaria hoje a tecnologia? Como estaria hoje a Apple?   O visionário que não aceitava limites, e que inovou disruptivamente em produtos que tantos de nós usamos, por 9 meses se recusou a se submeter a uma cirurgia potencialmente salvadora, ignorando orientações dos médicos e pedidos de familiares e amigos. E mais casos assim acontecem. Esta semana recebi a notícia de mais um caso assim. O que é incompreensível para mim (para você também?) é compreensível para eles? O que faria alguém adiar uma solução vital? Como não priorizar o prioritário? Até onde a teimosia e a ignorância vai prevalecer sobre o cuidado e a disposição para agir? Grandes problemas exigem respostas imediatas.  E isso não significa um descuido no preparo, no foco e na profundidade da resposta a ser dada. E isso não significa um aumento na ansiedade de quem se prepara, foca e se aprofunda na resposta a ser dada. E isso é exatamente o contrário de uma